quarta-feira, Abril 25, 2018
Home > Campanha Nacional > Campanha Nacional 2013 > Termina greve de 42 dias dos bancários do Banrisul em Porto Alegre

Termina greve de 42 dias dos bancários do Banrisul em Porto Alegre

Crédito: Seeb Porto Alegre
Seeb Porto Alegre
Assembleia dos banrisulenses encerra movimento com conquistas

Por ampla maioria, os funcionários do Banrisul aprovaram a nova proposta do banco e decidiram encerrar na tarde desta quarta-feira (30) a greve em Porto Alegre e Região Metropolitana, durante assembleia realizada no Clube do Comércio, no centro da capital gaúcha. A paralisação dos trabalhadores do banco iniciou no dia 19 de setembro, juntamente com a greve nacional dos bancários e foi mantida após impasse nas negociações específicas com a direção do banco.

O movimento no Banrisul durou 42 dias e, de acordo com a Fetrafi-RS, foi a greve mais longa dos banrisulenses nos últimos 50 anos.

Os demais sindicatos do Interior do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina, onde ainda havia paralisação, já tinham aprovado a nova proposta do banco e o fim da greve nesta terça-feira (29), após reunião de mediação entre as entidades sindicais e a direção do Banrisul, realizada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT-RS). Alguns sindicatos deliberaram no mesmo sentido em assembleias ocorridas na manhã desta quarta.

Greve vitoriosa

“Mais uma vez os banrisulenses fizeram uma greve massiva e vitoriosa. A principal conquista deste movimento foi a grande manifestação de consciência coletiva dos trabalhadores do Banrisul, que enfrentaram a continuidade da greve em nome de suas reivindicações específicas. Isto nos impulsiona à superação de novos desafios”, enfatiza a diretora da Fetrafi-RS, Denise Corrêa.

Para o diretor da Fetrafi-RS, Carlos Augusto Rocha, a greve dos banrisulenses refletiu a força de mobilização dos trabalhadores do banco. “Os funcionários do Banrisul mostraram que somente com muita luta é possível avançar e conquistar. A unidade da greve, na Capital, Interior e Santa Catarina, foi crucial para garantir o retorno do Banrisul à mesa de negociação. Cada avanço obtido é fruto do esforço feito pelos trabalhadores para manter e ampliar o movimento dia a dia, agregando novas conquistas para a vida dos banrisulenses”, finaliza Rocha.

“Construímos uma grande greve juntos. Uma greve histórica. As decisões da categoria, as definições de estratégias foram tomadas em assembleias quase diárias e pautadas pela democracia. Foram os bancários que construíram a greve juntos. Foram os bancários que saíram juntos da greve. Os banrisulenses estão de parabéns pela unidade e pela disposição. Foram os últimos bancários a permanecerem em greve em todo o país”, disse o presidente do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre, Mauro Salles.

Veja os compromissos assumidos pelo Banrisul na mediação no TRT-RS:

Plano de Carreira

O banco se compromete a retomar a Comissão Paritária sobre Plano de Carreira, com a criação de subcomissões específicas para debater as questões dos funcionários dos setores de Tecnologia da Informação (TI) e Call Center. As conclusões dos trabalhos destes fóruns específicos serão encaminhadas à Comissão Paritária.

PLR Banrisul

O banco aumentou de 1,5% para 1,8% o percentual do lucro líquido a ser distribuído de forma linear a todo o quadro de funcionários, a título de PLR Banrisul, sendo que 1,5% será pago no dia 8 de novembro.

O restante, equivalente a 0,3%, será pago até o dia 3 de março de 2014 junto com o pagamento da segunda parte da PLR da categoria, conforme prevê a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) dos bancários, assinada entre as entidades sindicais e a Fenaban.

Extensão para trabalhadores afastados

A PLR, tanto a regra da CCT dos bancários como a PLR Banrisul, e a 13ª cesta-alimentação serão estendidos a todos os trabalhadores afastados por doença ou acidente de trabalho.

Compensação dos dias parados

Os dias não trabalhados na greve de 2013 poderão ser compensados até 31 de dezembro de 2013, no limite de uma hora diária.

O banco também se compromete a manter os compromissos já assumidos relativos a férias e abono assiduidade agendados anteriormente pelos funcionários.

Fonte: Contraf-CUT com Fetrafi-RS e Seeb Porto Alegre