sexta-feira, Abril 20, 2018
Home > Campanha Nacional > Campanha Nacional 2015 > Mesa de negociação da Cassi é retomada entre Banco do Brasil e entidades, nesta quinta-feira (19)

Mesa de negociação da Cassi é retomada entre Banco do Brasil e entidades, nesta quinta-feira (19)

 

 

Entidades reafirmaram ao banco os consensos produzidos nos acordos da Campanha Nacional 2015 – Na retomada da Mesa de Negociações da Cassi entre entidades representativas do funcionalismo e o Banco do Brasil, nesta quinta-feira (19), foi reafirmado ao banco os consensos produzidos nos acordos da Campanha Nacional dos Bancários 2015. Entre eles, destacam-se o investimento no modelo de Atenção Integral à Saúde através da Estratégia Saúde da Família, ter o princípio da solidariedade como uma premissa fundamental do plano de associados, a garantia de cobertura para ativos, aposentados, dependentes e pensionistas e, ainda corresponsabilidade entre BB e associados.

Na ocasião, o banco foi informado que em relação a proposta apresentada pela empresa houve grande divergência nas entidades em relação à constituição de um fundo para o pagamento do compromisso pós-laboral, mesmo a mesa reconhecendo avanços nas discussões.

As entidades propuseram ao banco estabelecer um cronograma de negociações mais intensivo e que sejam apresentadas novas propostas para serem discutidas, tanto no âmbito da sustentabilidade de longo prazo, como também em questões financeiras emergenciais de forma a garantir o atendimento a todos os associados.

Os representantes dos funcionários afirmaram que o processo negocial está sendo positivo até o momento, visto que na mesa está sendo produzido formulações e sendo concretizado soluções emergenciais que permitiram não esgotar as reservas da Cassi até o final de 2015, além de inserir o debate junto ao funcionalismo do BB.

Para Wagner Nascimento, coordenador da Comissão de Empresa dos funcionários do BB, a retomada das negociações é de extrema importância, uma vez que a Cassi requer toda nossa atenção neste momento. “Os sindicatos deverão preparar os debates sobre o assunto com os funcionários de todos os segmentos dentro do banco, para iniciarmos nas bases um calendário de mobilização em prol da Cassi. A construção de um acordo que garanta a sustentabilidade da Cassi passa pelo envolvimento de todos”, explicou Wagner. 

A próxima reunião está agendada para o dia 3 de dezembro na sede do BB, em Brasília.

Fonte: Contraf-CUT