Comunicação à esquerda é debatida no Congresso do BNB

João Valdo/ Contraf-CUT

A nova experiência da Contraf-CUT na comunicação teve um espaço especial no 23º Congresso Nacional dos Funcionários do BNB. O secretário de Comunicação, Gerson Carlos Pereira, apresentou as ferramentas da entidade para melhor interagir com os bancários.

“A comunicação sindical precisa evoluir e acompanhar as inovações que acontecem no mundo. Por isso, neste período, criamos algumas ferramentas e aprimoramos o uso das que já existiam. Nosso objetivo agora é que todas as federações e sindicatos sigam nesta mesma pegada”, disse.

A Confederação conta com um site novo, completamente repaginado, com muitas fotos para atrair ao internauta. Outra novidade é a rádio web, com músicas e notícias do dia a dia. Também é presença nas redes sociais, com Twitter, Facebook, Instagram. A intenção é combater o consumo da grande mídia, como Globo, Folha de S.Paulo, Veja, Record, Band, com informação sob uma outra ótica não vista nos meios tradicionais.

A experiência de sucesso do Sindicato dos Bancários da Bahia foi apresentada pelo diretor de Comunicação, Adelmo Andrade. A entidade conta com o único jornal diário do país, O Bancário. Também tem aplicativo, redes sociais, site, programa de TV, rádio. Uma grande estrutura para enfrentar o discurso da grande mídia.

Fonte: Contraf-CUT

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedinmail
Topo