Estacionar em João Pessoa está mais caro a partir desta segunda-feira, dia 8. A Zona Azul, que cobrava R$ 1,00 pela permanência de duas horas em uma vaga, sofreu um reajuste de 30% e passa a custar R$ 1,30.

O aumento não agradou aos motoristas, mas a reclamação é mais pela falta de segurança dos veículos do que pelo valor maior a ser pago. O engenheiro Pedro Araújo observou que o aumento é justo. No entanto, entende que a Prefeitura deveria oferecer, no mínimo, segurança para o veículo.

"Eu confesso que uso muito pouco a Zona Azul, mas acho que falta melhorar. Se eu vou ter que pagar R$ 1,30 para deixar meu carro, tenho que ter a certeza de que vou voltar e encontrar o veículo intacto", opinou.

O comerciante Severino Matias do Nascimento, 49 anos, também concorda com o reajuste. "Tudo aumenta hoje em dia. Por que não a Zona Azul? Só acho que falta garantir a segurança do carro. Se o pessoal tem tempo para observar se já se passaram os dez minutos gratuitos, pode também vigiar para que os carros não sejam roubados", disse.

Para o eletricista Edimilson Lima, 38 anos, a Zona Azul melhorou e organizou a questão de estacionamento na capital. Mesmo assim ele considera o reajuste absurdo. "O salário não aumenta nesse percentual e um aumento de 30% não acompanha o poder aquisitivo do povo", disse. Além disso, segundo ele, há uma competitividade entre os flanelinhas e o estacionamento da Prefeitura. "Muitas vezes, a gente paga a Zona Azul, mas também tem que dar uns trocados aos guardadores de carros. Quem precisa estacionar mais de uma vez acaba gastando mais", verificou.

A reportagem de O Norte entrou em contato com a superintendente da Superintendência de Transportes e Trânsito de João Pessoa (STTrans), Laura Farias, mas ela não retornou as ligações. De acordo com a assessoria de imprensa do órgão, o Código de Trânsito diz que não é atribuição do município garantir a segurança dos veículos. O pagamento seria apenas para a utilização do espaço em um determinado espaço de tempo. A explicação é que a Zona Azul foi criada para tornar o espaço rotativo, garantindo que mais motoristas tenham acesso às vagas.

Implantado há 12 anos em João Pessoa, o estacionamento rotativo Zona Azul funciona com aproximadamente 1,2 mil vagas em 20 ruas e duas praças do Centro da Capital. Os horários de utilização da Zona Azul são de segunda a sexta-feira das 7h30 às 17h30 e, aos sábados, das 8 horas às 12 horas. João Pessoa é a única Capital nordestina que oferece aos motoristas o uso de estacionamento rotativo gratuito por um período de 10 minutos, desde que o veículo fique com o pisca-alerta ligado. Após este intervalo de tempo, o condutor deverá retirar o veículo ou adquirir a cartela. Idosos com mais de 60 anos têm direito a gratuidade durante uma hora nas vagas destinadas a eles. Hoje a Zona Azul emprega 114 pessoas.

 

Fonte: O Norte/Lucilene Meirelles