Crédito: Ronaldo Bernardi – zerohora.com
Ronaldo Bernardi - zerohora.com Depois de fechar o mês de julho com uma média assustadora de um ataque a bancos a cada dois dias no Rio Grande do Sul, agosto chega já com ocorrências nos primeiros dias. O mês começa com dois arrombamentos no Estado. Uma agência do Santander (foto) foi arrombada por volta das 3h30 desta segunda-feira, dia 3, na Avenida Flores da Cunha, no centro de Cachoeirinha, na Grande Porto Alegre.

Para entrar no estabelecimento do banco espanhol, os criminosos teriam usado um explosivo, já que o local estava destruído e em chamas. Bombeiros tiveram de ser chamados para combater o incêndio.

No Interior do Estado, mais um banco do Interior foi alvo de assaltantes. Na madrugada desta segunda-feira, dia 3, o ataque ocorreu na região central do Estado, em Nova Palma, município com cerca de 6 mil habitantes. Por volta da 1h, pelo menos seis homens arrombaram a agência do Banco do Brasil, no centro da cidade, e levaram dois caixas-eletrônicos.

Os assaltantes fugiram em duas caminhonetes, uma Silverado e uma F-1000, que estavam registradas na polícia como furtadas. Segundo testemunhas, os bandidos deixaram o local atirando para cima, estavam vestidos com roupas camufladas e usavam máscaras.

Durante a fuga, um caixa-eletrônico caiu e foi recuperado pela polícia. O bando fugiu em direção ao município de Júlio de Castilhos. Durante a madrugada, a polícia realizou blitze nas principais rodovias da região. Até as 4h, ninguém havia sido localizado.

Mais uma vez, o Sindicato dos Bancários de Porto Alegre e Região (SindBancários) volta a alertar para a necessidade de reforço do policiamento nos primeiros dias de cada mês, quando há mais dinheiro em circulação nos bancos. Também cobra, novamente, que os bancos, que começam a divulgar os lucros bilionários do primeiro semestre, destinem uma parte desses recursos para investir em segurança. É preciso aumentar o número de vigilantes, blindar as fachadas, colocar mais câmeras de monitoramento e portas giratórias antes do autoatendimento.

Relação de ataques a bancos no Rio Grande do Sul

Agosto de 2009

1. Dia 3: Santander – Cachoeirinha (agência Av. Flores da Cunha): arrombamento
2. Dia 3: Banco do Brasil -Nova Palma: arrombamento com roubo de caixas eletrônicos

Julho de 2009

1. Dia 2: Banco do Brasil – Tramandaí (agência Emancipação): assalto com tiroteio
2. Dia 6: Unibanco – Santa Maria (agência Centro): arrombamento
3. Dia 6: Banco do Brasil – Paraíso do Sul: roubo
4. Dia 6: Banrisul – Três Cachoeiras: assalto
5. Dia 6: Banco do Brasil – Passo Fundo (agência São Cristovão): assalto
6. Dia 7: Bradesco – Porto Alegre (agência Benjamin Constant: tentativa de assalto com roubo de arma do vigilante
7. Dia 13: Bradesco – São Leopoldo (Agência Scharlau): arrombamento
8. Dia15: Banco do Brasil (Ibiraiaras): assalto com refém
9. Dia15: Banrisul (Ibiraiaras): assalto com refém
10. Dia 22: Bradesco (Av. Bento Gonçalves, bairro Partenon): arrombamento
11. Dia 24: Banrisul (Pontão): arrombamento
12. Dia 28: Banrisul (Independência): arrombamento com perseguição e tiroteio
13. Dia 29: Bradesco (Guaiba): assalto
14. Dia 31: Banco do Brasil (Boqueirão do Leão): assalto, tiroteio e morte

Fonte: Seeb Porto Alegre