Nesta sexta-feira, dia 21, a Contraf-CUT promove reunião ampliada das Comissões de Organização dos Empregados (COE) do Santander e Real, das 10h às 18h, na sede da entidade (Rua Líbero Badaró, 158 -1º andar), no centro de São Paulo. O objetivo é definir a pauta de reivindicações específicas dos funcionários do Santander Brasil, visando a renovação do aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho.

"Vamos organizar a minuta unificada dos trabalhadores do Santander Brasil, diante da recente extinção do Real. No ano passado, firmamos dois aditivos, assinados somente no dia 30 de março deste ano", afirma o funcionário do Santander e secretário de imprensa da Contraf-CUT, Ademir Wiederkehr.

Na próxima semana, a pauta será submetida à discussão e aprovação nas assembléias dos sindicatos. "A expectativa é entregar a minuta para a direção do Santander Brasil até o dia 31 de agosto, quando termina a vigência dos aditivos do Santander e do Real, exceto a cláusula da licença remunerada pré-aposentadoria (pijama)", explica.

"Queremos firmar um novo aditivo, consolidando as conquistas mais vantajosos de cada banco e buscando novos avanços, como forma de valorizar o empenho e a dedicação dos trabalhadores, responsáveis por 20% do lucro mundial do Santander", ressalta o dirigente sindical.

O prazo do envio de sugestões para a minuta termina nesta quarta-feira, dia 19, devendo ser feito para os e-mails ademir@contrafcut.org.br, mraia@spbancarios.com.br e marcelo@spbancarios.com.br

A íntegra dos aditivos vigentes do Santander e Real pode ser conferida nos sites da Contraf-CUT, sindicatos e Afubesp.

Fonte: Contraf-CUT