Um golpe que faz vítimas em todo o Brasil, a saidinha de banco, está sendo combatida com sucesso em João Pessoa, na Paraíba. O golpe é o terror dos clientes, que são abordados por bandidos depois de sacar dinheiro.

Mas duas leis municipais de João Pessoa ajudaram a reduzir esse tipo de crime. Desde abril, os bancos foram obrigados a ampliar o sistema de vigilância com câmeras.

– A lei diz que toda agência bancária tem que ter, no mínimo, três câmeras em torno do banco – diz o agente de fiscalização do Procon João Bosco.

– Geralmente, um dos bandidos fica no interior do banco, vendo o movimento, vê quem sacou uma quantidade grande de dinheiro. São essas pessoas que são abordadas – explica o delegado Marcos Vasconcelos.

A segunda lei obrigou os bancos a instalar painéis de quase dois metros de altura. A divisória separa o ambiente dos caixas e a fila de espera. O painel é uma garantia de mais sigilo e tranquilidade para quem vai sair do banco com muito dinheiro.

– Tirava alguns valores e todo mundo ficava olhando. Agora ficou melhor – elogia o auxiliar de serviço Severino Galdino.

A lei ainda proíbe o uso de celular na área de espera. Depois das medidas, o número de crimes desse tipo caiu cerca de 90%. Só não dá para descuidar.

– Ir com acompanhante, mudar caminhos e mudar hábitos. Não fazer a mesma coisa todos os dias são alguns cuidados básicos – diz o delegado Marcos Vasconcelos.

Fonte: Globo Online