greve_londrina.jpg

greve_londrina.jpg
Após a assembléia realizada no dia 23, onde a ampla maioria dos presentes decidiu pela greve, o movimento começou forte com 43 agências e 7 postos parados, com a mobilização de mais da metade dos trabalhadores da base sindical.

"Essa greve deve crescer dia após dia e refletir a insatisfação dos bancários e bancárias com a proposta rebaixada que a Fenaban apresentou no último dia 17", avalia Wanderley Crivellari, presidente do Sindicato dos Bancários de Londrina.

Fonte: Seeb Londrina