age_bnb_26102009_002.jpg

age_bnb_26102009_002.jpg
Nesta segunda-feira (26), após 33 dias de greve, os funcionários do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) na Paraíba decidiram, por uma pequena maioria, aceitar a proposta do banco e voltar ao trabalho, na manhã desta terça-feira, 27 de outubro.

Apesar da exaustão provocada por mais de um mês de greve e o desapontamento com o tratamento dispensado pelo BNB, diferentemente dos demais bancos estatais, os bancários do BNB se disseram orgulhosos em participar de um movimento forte e independente, que seguiu seu rumo mesmo sem contar com a força dos colegas do Passaré.

Marcos Henriques, presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba, ressaltou que os funcionários do BNB fizeram a maior mobilização já vista e agora voltam ao trabalho de cabeça erguida. "Agora, é hora de canalisarmos a força dessa unidade  para conquistarmos a valorização do piso salarial, revisão do Plano de Cargos e Salários, Plano de Função, Licença Prêmio e Plano de Previdência para todos os funcionários. Avaliamos a greve como muito positiva, principalmente por ter proporcionado esse exemplo de mobilização para os trabalhadores", concluiu.

A Proposta:

Reajuste de 6% – O BNB segue a Convenção da Fenaban, com reajuste de 6% em todas as vertas (inclusive pisos) e beneficios, e mantém os demais itens constantes da proposta enviada, via e-mail, para a Comissão Nacional, em 08 de outubro. O valor das diferenças salariais relativas aos meses de setembro e outubro será creditado no dia 29 de outubro.

Antecipação da PLR 2009 – Distribuição do valor provisionado no Balanço de junho/2009, seguindo os critérios da Fenaban. O valor da antecipação primeira parcela da PLR 2009 será creditado no dia 6 de novembro, bem como a antecipação da segunda parcela, correspondente a 1/3 do salário bruto de cada bancário.

Abono – O BNB pagará abono (não dedutível da PLR), linear, para todos os empregados, no valor de R$ 500, que será creditado no dia 29 de outubro.

Demais cláusulas – Ficam mantidas as demais cláusulas constantes do ACT 2008-2009.