caixa_negociacao_mesa_permanente.jpg
caixa_negociacao_mesa_permanente.jpg A rodada de negociações da mesa permanente entre a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf/CUT), a Comissão Executiva dos Empregados (CEE/Caixa) e a Caixa Econômica Federal está confirmada para quarta-feira da próxima semana, dia 24 de fevereiro, às 11 horas, em Brasília (DF).

Essa reunião tem o objetivo de dar sequência ao debate sobre jornada de trabalho, iniciado na rodada do último dia 22 de janeiro, quando a empresa frustrou mais uma vez a expectativa dos empregados ao anunciar intenção de reduzir a jornada dos ocupantes de cargos técnicos de oito para seis horas, com redução salarial, antes mesmo da implantação do novo Plano de Cargos Comissionados (PCC).

Essa proposta, aliás, feita de forma unilateral pela Caixa, foi duramente criticada pela Contraf/CUT e pela CEE/Caixa, sobretudo por contrariar o que defende o conjunto dos empregados: jornada de seis horas para todos sem redução de salário.

Em preparação ao encontro com a empresa, os membros da CEE/Caixa se reúnem no dia 24 de fevereiro, às 9 horas, na sede da Fenae, em Brasília.

 
Fonte: Fenae