O Comando Nacional dos Bancários, coordenado pela Contraf-CUT, realiza nesta terça-feira, dia 13, com a direção da Caixa Econômica Federal a terceira rodada de negociação das reivindicações específicas dos empregados. Desta vez são tratadas as questões de carreira (profissionais, tecnologia e gestores e programa de seleção interna), jornada de seis horas para os comissionados e isonomia (licença-prêmio e adicional por tempo de serviço). A reunião ocorre em São Paulo, às 10h, no Hotel Jaraguá.
 

"Essa rodada é importante para finalizarmos a fase de debates e exigir que a direção da Caixa apresente, junto com a Fenaban, propostas para nossas reivindicações, tanto em relação à saúde e condições de trabalho, segurança, Funcef e aposentados, além da remuneração", afirma Jair Ferreira, coordenador da Comissão Executiva dos Empregados (CEE/Caixa), órgão da Contraf-CUT que assessora o Comando nas negociações.

As duas primeiras rodadas das negociações das reivindicações específicas dos empregados da Caixa foram realizadas nos dias 2 e 8 de setembro, nas quais foram discutidas, respectivamente, Funcef e aposentados e Saúde Caixa e condições de trabalho. Acesse os links abaixo para saber como foram as negociações.

> Comando cobra melhorias da Caixa na proteção e na assistência à saúde

> Caixa recusa reivindicações sobre previdência e aposentados na 1ª rodada

Encontro de Isonomia

Em reunião na última quinta-feira, dia 8, a CEE/Caixa decidiu pela realização do Encontro Nacional sobre Isonomia no próximo dia 20 de setembro, em Brasília, em cumprimento à deliberação do 27º Congresso Nacional dos Empregados da Caixa (Conecef).

As delegações que participarão do evento serão definidas a critério de cada sindicato. Serão realizadas atividades na Matriz da Caixa e no Congresso Nacional.

Fonte: Contraf-CUT