Crédito: Seeb Londrina
Seeb Londrina
Mobilização dos bancários cresce em todo país

O Sindicato dos Bancários de Londrina realizou manifestação nesta sexta-feira (16), em frente à agência Centro do Bradesco, para denunciar a "farra dos banqueiros". A atividade, que faz parte da mobilização da categoria que está em Campanha Nacional, teve o objetivo de denunciar à população a forma como a Fenaban está se comportando nas rodadas de negociação com o Comando Nacional dos Bancários, sob coordenação da Contraf-CUT.

Nas três rodadas, os representantes dos bancos rejeitaram praticamente todas as reivindicações da categoria. Na manifestação, od diretores do Sindicato estiveram caracterizados de banqueiros e protagonizaram um embate fictício com os bancários, com direito a chuva de dinheiro e outros adereços. Uma banda acompanhou os sindicalistas durante o ato.

"Nosso objetivo é acabar com a farra dos banqueiros", afirma Wanderley Crivellari, presidente do Sindicato. Segundo ele, espera-se que na próxima rodada de negociações, que acontece na terça-feira (20), os bancos apresentem finalmente uma proposta concreta sobre as reivindicações da categoria. "Caso contrário, vamos convocar assembleias para definir a deflagração de greve por tempo indeterminado para combater essa postura das instituições financeiras", adianta.

Wanderley lembra que os maiores bancos que operam no Brasil juntos acumularam R$ 27,4 bilhões de lucro líquido no primeiro semestre deste ano.

"Não abrimos mão das nossas reivindicações, que buscam formas para consolidar o emprego decente nos bancos, o que inclui mais contratações, salários dignos, saúde, mais segurança e qualidade de atendimento aos clientes e usuários", explica o presidente do Sindicato.

Fonte: Seeb Londrina