Em balanço realizado nesta segunda-feira 10, a greve nacional dos bancários atingiu 186 agências com as atividades paralisadas no Espírito Santo, sendo 113 na Grande Vitória e 73 no interior do estado. Os prédios do Banco do Brasil Pio XII e o CPD Banestes, na Grande Vitória, também se encontram parados, enquanto os prédios da Caixa (Enseada do Suá e Centro) e a Gerel (BB – Enseada do Suá) funcionam parcialmente.

A Caixa Econômica Federal segue com 100% de paralisação na Grande Vitória, com 29 agências fechadas. Também na região metropolitana, o Banestes está com 41 unidades em greve e o Banco do Brasil, com 32. Dentre os bancos privados, são 11 as unidades paralisadas.

No interior, a Caixa tem 31 agências fechadas, o Banco do Brasil tem 38 e o Banco do Nordeste, duas agências

Negociações

Os bancários chegam ao décimo quarto dia de greve sem a retomada do processo negocial com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), que ainda se mantém em silêncio e não apresentou uma contraproposta aos trabalhadores.

Os bancários entraram em greve no dia 27 de setembro, depois de rejeitarem a proposta de reajuste de 8% feita pela Fenaban. Os trabalhadores reivindicam o reajuste salarial de 12,65% (- índice já atualizado a partir da divulgação do ICV Dieese de agosto), além de melhores condições de trabalho e segurança nos bancos.

Fonte: Seeb Espírito Santo