Crédito: Contraf-CUT
Contraf-CUT Último módulo da 8ª turma do curso de formação sindical vai até sexta

O terceiro e último módulo do curso “Sindicato, Sociedade e Sistema Financeiro”, promovido pela Contraf-CUT em parceria com o Dieese e financiado pelas entidades filiadas, teve início na segunda-feira (3), em Nazaré Paulista (SP). Trata-se da 8ª turma, que tem a participação de dirigentes e assessores de entidades sindicais de nove estados: RS, SC, PR, SP, RJ, MG, MS, PA e DF. O curso será concluído na próxima sexta-feira (7).

O primeiro módulo ocorreu em novembro e o segundo, em dezembro do ano passado. A atividade faz parte da grade permanente de formação da Confederação e está alinhada com a Política Nacional de Formação da CUT.

O curso integra o Programa de Capacitação de Dirigentes e Assessores (PCDA), adaptado para as entidades sindicais do ramo financeiro e vem sendo realizado na forma de três módulos, cada um de cinco dias.

“Ao longo dos últimos cinco anos, nós nos empenhamos em realizar o papel delineado pela Política Nacional de Formação da CUT, que deixa a cargo das confederações e ramos o papel estratégico de complementar a formação mais específica e inerente aos desafios específicos de cada setor organizativo dos trabalhadores”, afirma William Mendes, secretário de formação da Contraf-CUT.

“Assim, estamos atuando tanto com cursos de especialização em grandes temas, bem como neste curso de três módulos que abordam a história do sindicalismo em geral e dos bancários, estuda o sistema financeiro, os tratados e a moeda, e os desafios contemporâneos neste segmento como organização sindical, segurança bancária, terceirização, negociação coletiva, questões de gênero e igualdade, saúde, remuneração, dentre outros.”

“Esses projetos de formação da Contraf-CUT têm sido construídos em consonância com as demandas de nossas entidades sindicais, após debates em nossos congressos e também em sintonia com as estratégias traçadas nos Enafor e Conafor da Central Única dos Trabalhadores”, salienta Wiiliam.

O diretor da Contraf-CUT ressalta que, “no decorrer desses cinco anos, quase não houve evasão de participantes de nossos cursos. Isso mostra a eficácia do trabalho político feito por nós e por nossas entidades na preparação e durante os cursos. Os participantes sempre tiveram o apoio de nossos sindicatos e federações. Todos nós temos ganhado com essa política de investimentos na formação de bons dirigentes e assessores no ramo financeiro”.

Programação

O terceiro módulo inclui a abordagem da estrutura organizativa da Contraf-CUT e a organização sindical de base dos bancários, a remuneração no setor bancário, o emprego e reestruturação no sistema financeiro, a terceirização e a precarização das condições de trabalho nos bancos, a negociação coletiva no setor bancário, saúde e condições de trabalho, segurança bancária, igualdade de oportunidades e os desafios para a ação sindical no setor bancário.

Fonte: Contraf-CUT