Crédito: Fenae
FenaeConselheiros também aprovaram regulamento

O Conselho Deliberativo da Funcef, em reunião realizada nesta quarta-feira, dia 5, aprovou o regulamento e calendário das eleições para membros da Diretoria Executiva e dos Conselhos Deliberativo e Fiscal da Fundação. As inscrições de chapas começarão no dia 17 de fevereiro e a votação ocorrerá entre os dias 5 e 9 de maio deste ano.

O CD definiu também a comissão que coordenará o processo eleitoral 2014, que será constituída por cinco membros: João Alberto Moschkovich, Antônio Abdan e Marlene Dias, indicados pelos conselheiros deliberativos eleitos; Geraldo Aparecido da Silva, indicado pela Diretoria Executiva da Funcef, e Vanderlei Lopes Gomes, membro indicado pela Caixa. João Alberto coordenará a comissão.

Nesse pleito, serão preenchidas três vagas para compor a Diretoria Executiva, duas vagas de titular e duas de suplência para conselheiro deliberativo, e uma vaga para titular e uma de suplente no Conselho Fiscal.

“A eleição é de extrema importância para os participantes e foi conquistada após luta árdua do movimento associativo e sindical pela democratização da gestão na Funcef”, destacou o conselheiro eleito Antônio Luiz Fermino.

Em 2002, foi dado o primeiro passo para democratizar a gestão com a eleição de representantes dos participantes para compor os conselhos Deliberativo e Fiscal. Quatro anos depois, mais uma avanço: o estatuto da Funcef foi alterado para os associados elegerem seus representantes na Diretoria Executiva.

O CD é o órgão máximo de deliberação da Funcef, responsável pela definição da política geral de administração da entidade e de seus planos de benefícios.

Outros pontos

Durante a reunião foram debatidos outros pontos como os balancetes de outubro e novembro de 2013, o regimento interno do Comitê de Assessoramento Técnico de Qualidade das Informações Contábeis e de Auditoria, propostas de atualização de normativos do planejamento estratégico, processos de auditoria interna e gestão de benefícios previdenciários.

O CD definiu também que passa a vigorar a partir deste mês a elevação do teto do salário de contribuição dos participantes do Novo Plano.


Fonte: Fenae