Crédito: Brasil 247
Brasil 247 Números superaram expectativas pessimistas do mercado

O lucro da Petrobras alcançou R$ 6,28 bilhões no 4º trimestre de 2013, uma alta de 85% na comparação com o trimestre anterior. No ano passado, o lucro total da empresa foi de R$ 23,57 bilhões, um aumento de 11% em relação a 2012. As projeções para o último trimestre eram mais modestas. Esperava-se que o lucro fosse de R$ 4,23 bilhões.

Enquanto isso, a receita de vendas da Petrobras somou R$ 81 bilhões, uma alta de 4% na comparação com o terceiro trimestre. No ano, a alta foi de 8%, o que colocou a receita em R$ 304,8 milhões.

De acordo com a empresa, o maior lucro frente ao trimestre passado reflete o maior lucro operacional e o benefício fiscal decorrente do provisionamento de juros sobre o capital próprio mas compensado, em parte, pelas maiores despesas financeiras líquidas.

Esta terça-feira (25) foi de boas notícias para a companhia. Mais cedo, a empresa bateu recorde diário na extração do pré-sal. Bons resultados serão capazes de acalmar ataques intensos dos últimos meses? Tese de que empresa vem sendo castigada mesmo com os bons resultados será superada? Na Bolsa de Valores, a petrolífera fechou em baixa hoje. Seus papéis mais negociados caíram 2,21%.

Em outubro do ano passado, relatório oficial do Merril Lynch apontou a Petrobras como “a empresa mais endividada do mundo”, numa nota que que teve grande repercussão na mídia brasileira mais conservadora. Avaliação negativa da petroleira brasileira empurrou para baixo os papéis da companhia na bolsa de valores, que iniciaram o ano alcançando o recorde negativo de cerca de R$ 15 por ação.

Dados positivos desta terça podem começar a virar o jogo sobre a imagem da petrolífera?

Fonte: Brasil 247