O lucro líquido do Paraná Banco caiu 32,6% no ano passado, para R$ 133 milhões. Se excluídos efeitos extraordinários, a retração foi um pouco mais suave, de 13,7%, para R$ 131 milhões.

Embora o resultado da intermediação financeira tenha crescido 7,7% em comparação com 2012, chegando a R$ 384 milhões, as despesas com pessoal e administrativas aumentaram em ritmo mais rápido: somaram R$ 224 milhões em 2013, com alta de 17,7%.

Conforme o balanço divulgado, a carteira de crédito do banco aumentou 20,8% no ano passado, atingindo em dezembro o saldo de R$ 2,9 bilhões. A maior parte, cerca de R$ 2,3 bilhões, é relativa aos empréstimos consignados, com desconto em folha, que cresceram 18,6%.

A modalidade que mais cresceu foi a de crédito para o middle market (pequenas e médias empresas), cujo saldo de empréstimos aumentou 26,8%, para R$ 507,1 milhões.

Fonte: Gazeta do Povo