Concentração acontece às 10h, na Praça da Sé, em São Paulo

A Contraf-CUT está chamando os sindicatos e federações de bancários de todo o país a participar da 8ª Marcha da Classe Trabalhadora, a ser realizada na próxima quarta-feira, dia 9 de abril, em São Paulo, com concentração a partir das 10h na Praça da Sé, seguida de passeata até a Avenida Paulista. A manifestação está sendo promovida pela CUT e demais centrais sindicais.

Trata-se de uma mobilização estratégica na atual conjuntura do país. “Conclamamos os bancários a organizar caravanas para engrossar essa manifestação unitária, que será fundamental para reforçar a pauta da classe trabalhadora junto ao governo e ao Congresso Nacional”, destaca Carlos Cordeiro, presidente da Contraf-CUT.

Pauta da classe trabalhadora

· Fim do fator previdenciário
· Continuidade da valorização do salário mínimo
· Não ao PL 4330 da terceirização
· Combate à demissão imotivada – ratificação da Convenção 158 OIT
· Redução da jornada para 40 horas sem redução dos salários
· Reforma agrária e agrícola
· Negociação no setor público – regulamentação da convenção 151 OIT
· Fim dos Leilões de Petróleo
· Valorização das aposentadorias
· Igualdade de oportunidades para homens e mulheres
· Transporte Público de Qualidade
· 10% do orçamento da União para a saúde
· Correção da tabela do IR na fonte
· 10% do PIB para a educação
· Redução dos juros e do superávit primário

Fonte: Contraf-CUT com CUT