terça-feira, junho 18, 2019
Home > Bancos > Banco do Brasil > Entidades avaliam processo de votação do estatuto da Cassi

Entidades avaliam processo de votação do estatuto da Cassi

As entidades que fazem parte da mesa de negociação da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil (Cassi) se reuniram, na quarta-feira (5), para avaliarem o processo de votação da proposta de manutenção da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil (Cassi). A reunião ocorreu em Brasília, na Sede da Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil (Anabb).

Tanto as entidades que defenderam a aprovação da proposta (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro – Contraf-CUT, Anabb, Associação dos Aposentados e Funcionários do Banco do Brasil – AAFBB, Federação das Associações de Aposentados e Pensionistas do Banco do Brasil – FAABB), quanto a que defendeu a rejeição (Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Empresas de Crédito – Contec) participaram da reunião.

Nos debates foram feitas avaliações sobre o processo de votação em cada entidade e com suas bases de representados, análise sobre os pontos polêmicos e mais discutidos da alteração estatutária e também a situação financeira da Cassi, considerando que não entrarão recursos novos suficientes para a cobertura do déficit no balanço da Caixa de Assistência.

Os representantes apresentaram suas considerações sobre os pedidos de retorno e continuação das negociações enviados ao Banco do Brasil e de informações sobre o andamento do processo de intervenção da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

As entidades definiram que continuarão a realizar ações junto ao Banco do Brasil para a retomada do processo de negociação, bem como acompanhar as próximas reuniões da diretoria e conselhos da Cassi e do banco.

“A reunião foi importante para a avaliação do cenário interno e externo do BB e da Cassi, bem como para definir ações a serem realizadas a partir dos próximos acontecimentos, como uma possível intervenção da ANS e as próximas reuniões da diretoria e conselhos da Cassi”, avaliou o coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB, Wagner Nascimento, que representa a Contraf-CUT na mesa de negociações. “Vamos cobrar do BB a retomada das negociações e continuaremos a buscar soluções e a defender os associados e a Cassi”, concluiu.