Pela rejeição das propostas da Fenaban e pelos números que disseram sim à instalação da assembleia geral extraordinária permanente, bancári@s estão pront@s para o que der e vier – Na assembléia virtual desta quinta-feira (27), convocada pelo Sindicato dos Bancários da Paraíba para avaliação das propostas dos bancos e deliberar sobre os rumos da Campanha Nacional em curso, a categoria manifestou mais uma vez toda sua frustração e indignação com o descaso e a mesquinhez dos banqueiros. Além de não aceitarem reajuste zero, abono salarial, a retirada de direitos e o desrespeito à convenção coletiva, bancárias e bancários deliberaram também pela transformação da assembleia extraordinária em Assembleia Geral Extraordinária Permanente.

Após a rejeição das propostas até então apresentadas pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e os debates sobre as estratégias de luta para o fortalecimento da campanha nacional, @s 461 bancári@s aprovaram a instalação da Assembleia Geral Extraordinária Permanente com 457 votos favoráveis (99,14%), dois votos contrários (0,43%) e duas abstenções (0,43%).

“Estamos na véspera do Dia da Bancária e do Bancário e aproveito essa esmagadora votação para antecipar, em nome de toda a diretoria do sindicato, os parabéns às companheiras e aos companheiros de sonhos, lutas e conquistas por estamos vivos, com saúde e dispostos para celebrarmos esta data histórica para nossa categoria profissional. Estamos em meio à campanha mais difícil dos últimos cinqüenta anos, dada a conjuntura totalmente desfavorável à classe trabalhadora, quando estamos em queda de braço com um adversário astuto e ganancioso, mas nos confortam e nos encorajam os números dessa votação que traduzem o estado de espírito d@s bancári@s que estão pront@s para o que der e vier, assim como nós também estamos pront@s nessa luta com vocês”, concluiu Lindonjhonson Almeida, presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba.

Fonte: Seeb – PB