Contraf-CUT

Essa é a primeira vez que o Brasil realizará as conferências temáticas de forma simultânea - Contraf-CUT

Essa é a primeira vez que o Brasil realizará as conferências temáticas de forma simultânea

Cerca de 7 mil pessoas participam do evento, em Brasília, que incluirá a realização simultânea de cinco conferências temáticas – A Contraf-CUT participou, neste domingo (24), da abertura das Conferências Conjuntas de Direitos Humanos, organizadas pela Secretaria Especial de Direitos Humanos do Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial, da Juventude e dos Direitos Humanos. As Conferências Conjuntas foram convocadas por meio de decreto publicado em novembro de 2015

Para fortalecer a participação social de forma ampla e diversa, interligando segmentos e políticas, o evento reunirá em um único espaço cinco conferências temáticas: 12ª Conferência Nacional de Direitos Humanos, a 10ª Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, a 4ª Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa Idosa, a 4ª Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência e a 3ª Conferência Nacional de Políticas Públicas de Direitos Humanos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais – LGBT.

Essa é a primeira vez que o Brasil realizará as conferências temáticas de forma simultânea, garantindo os princípios da transversalidade, interdependência e indivisibilidade dos direitos humanos. As pautas e demandas que serão abordadas foram definidas nas conferências promovidas em nível local, municipal, regional, estadual e distrital, onde também ocorreu a escolha dos representantes dos Estados que participarão desta etapa nacional.

Para José Roberto Santana da Silva, representante da Contraf-CUT, o evento está entrando para a história. “No mesmo espaço está sendo debatido os temas pessoas com deficiência, criança e adolescente, LGBT e pessoa idosa. A maior barreira a ser superada é o preconceito da sociedade e o respeito aos direitos conquistados.’

As conferências conjuntas acontecem no Centro Internacional de Convenções do Brasil. Os debates poderão ser acompanhados pela página da Secretaria de Direitos Humanos na internet.

Fonte: Contraf-CUT

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster