Por volta das 03:00h da madrugada desta sexta-feira (01), quatro homens, em duas motos explodiram o caixa eletrônico da agência do Bradesco da cidade de Mulungu-PB. A quantidade de explosivos foi tão grande que destruiu quase que totalmente o interior do banco e ainda afetou residências vizinhas.

Segundo uma das vizinhas da agência, que preferiu não se identificar, os indivíduos contaram quatro segundos para detonar os explosivos.

O banco havia sido abastecido com aproximadamente 100 Mil reais no dia anterior para fazer o pagamento dos aposentados e outros servidores. Vários pagamentos já haviam sido feitos e por esse motivo o gerente não soube precisar quanto os bandidos conseguiram levar.

Para facilitar a fuga, os bandidos providenciaram com antecedência o esvaziamento dos pneus das duas únicas viaturas que trabalham na segurança da cidade.

No momento da fuga, os bandidos se deparam com um senhor identificado como Antonio Juarez, que passava pelo local. Eles o obrigaram a deitar no chão e em seguida fugiam.

A Polícia foi acionada e várias viaturas se deslocaram para o local. Ao fazer buscas na região, a PM encontrou em frente a uma casa, no Conjunto Achiles Leal, em Mulungu, duas motos: uma Honda Titan 125cc, preta e uma Honda Broz 105cc, vermelha que batiam com as características das motos usadas no assalto.

Ao perceberam a presença da polícia, os quatro homens que estavam dentro da residência empreenderam fuga pelos quintais das residências vizinhas, mas foram detidos pela Polícia. Após a averiguação, todos eles foram liberados, pois nenhuma prova que os incriminassem foi encontrada.

A Polícia ainda conseguiu recuperar mais de 41 Mil reais que ficaram espalhados pelo chão da agência.

Agora a Polícia Civil e o setor de inteligência da PM trabalham para tentar chegar aos verdadeiros culpados pelo segundo assalto a agência do Banco do Bradesco de Mulungu.






Fonte:

Juka Martins/Com informações de Jardel Cândido

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster