A norma vigora desde março do ano passado, deveria ter sido cumprida noventa dias após a publicação, mas as agências bancárias e instituições financeiras da capital ainda terão dez dias, após terem sido notificadas pelo Procon, para atenderem às exigências da Lei 5891/10.
 

Somente na segunda, dia 4, o órgão de defesa do consumidor visitou 40 agências bancárias, das quais apenas 11 estavam em conformidade com as normas estabelecidas pela lei de autoria do vereador Galba Novaes (PRB), que visa coibir as "saidinhas de banco" e reduzir o tempo de espera na fila de atendimento.

Entre as obrigações previstas para dar mais segurança aos clientes está a instalação de um painel opaco, com 1,8 metro de altura, entre o caixa e as pessoas que estão na fila de espera. O objetivo é evitar a visualização das operações bancárias que estão sendo realizadas.

Fonte: Wagner Melo – Gazeta de Alagoas – Maceió/AL

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster