O presidente do Sindicato dos Bancários e Trabalhadores do Ramo Financeiro do Estado de Rondônia (Seeb/RO), Cleiton dos Santos, avalia que as agências bancárias do interior do Estado sofrem com um problema crônico de segurança, o que tem causado um clima de medo e pânico cada vez maior entre os trabalhadores bancários.

A afirmativa do sindicalista se deu após mais um episódio de assalto no Estado, quando assaltantes renderam um funcionário do Banco da Amazônia (Basa) e seus familiares, obrigando-o a facilitar a entrada na agência de Ariquemes, de onde roubaram aproximadamente R$ 600 mil.

O caso aconteceu no início desta semana, e chocou a categoria bancária por conta de mais uma demonstração clara do clima de terror que toma conta das cidades do interior e que, na opinião do Seeb/RO, penam com um efetivo muito aquém do necessário para garantir a segurança dos bancários, clientes e usuários dos bancos.

Por sorte nem o bancário e nenhum dos seus familiares – que foram feitos reféns por várias horas pelos criminosos – teve um destino pior que os próprios assaltantes que, de acordo com o noticiário policial, tiveram uma rixa e trocaram tiros entre si. Dois deles teriam sido mortos pelos comparsas, de acordo com testemunhas.

A polícia continua as investigações a fim de prender os demais membros desta suposta quadrilha.

"No entanto, e considerando o efetivo policial carente nestas localidades, o que exigimos, pelo menos, é que tenha a presença mais intensa de seguranças dentro das agências, bem como a utilização de câmeras de segurança interna e externa em cada unidade", finaliza Cleiton.

Fonte: Seeb Rondônia

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster