Um incêndio na Boate Kiss, em Santa Maria, causou a morte de mais de 200 jovens na madrugada de domingo (27). O fogo teve início por volta das 2h30, após um membro da banda que se apresentava no palco ter acendido um sinalizador. Uma faísca alcançou o forro da boate e logo o fogo se alastrou pelo local.

A Secretaria de Segurança Pública divulgou uma lista com 232 mortos. Há também muitos feridos em estado grave internados em vários hospitais. Esta já é considerada a maior tragédia da história do Rio Grande do Sul.

Clique aqui para ver a lista dos mortos.

A presidente Dilma Rousseff veio a Santa Maria e consolou famílias das vítimas. O governador Tarso Genro decretou luto oficial de sete dias no Rio Grande do Sul.

A maior causa dos óbitos teria sido em recorrência de asfixia, em função da inalação da fumaça. Além disso, a falta de alvará em dia do Corpo de Bombeiros e a existência de apenas um local de entrada e saída agravaram a situação.

Conforme informações iniciais, coletadas via Facebook, a tragédia vitimou pelo menos dois parentes de bancários e o acadêmico de Sistemas de Informação da Unifra, João Carlos Barcellos, que esporadicamente prestava serviços ao site do Site do Sindicato dos Bancários de Santa Maria e Região.

Médicos, enfermeiros e psicólogos estão sendo chamados para auxiliar no atendimento das vítimas e familiares. Já há confirmação de deslocamentos de feridos para CTI de Porto Alegre e de outros municípios da região devido a total lotação dos leitos de tratamento intensivo disponíveis no Município.

No Centro Desportivo Municipal, onde os corpos das vítimas foram levados, uma fila de mais de 500 metros de familiares aguarda para identificação dos corpos vitimados pelo incêndio na boate Kiss. Autoridades presentes no local pedem que voluntários levem ao local gelo, isopor e garradas d’água.

O Sindicato dos Bancários de Santa Maria e Região está de luto. Os diretores da entidade se solidarializam com as famílias dos jovens vitimados nesta tragédia.

A Contraf-CUT também manifesta sentimentos de dor e soliedariedade aos familiares e amigos das vítimas de Santa Maria e a todos os gaúchos e brasileiros que ficaram sensibilizados com essa tragédia e espera a apuração rigorosa das causas, bem como a adoção de medidas de segurança em todas os estabelecimentos do país para prevenir incêndios e proteger a vida das pessoas.

Fonte: Contraf-CUT com Seeb Santa Maria

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster