A Contraf-CUT promove nesta sexta-feira, dia 24, às 10 horas, reunião conjunta e ampliada das Comissões de Organização dos Empregados (COEs) do Santander e Real para intensificar a luta pela melhoria da PLR. O encontro acontece no Auditório Amarelo, do Sindicato dos Bancários de São Paulo.

No final do processo de negociação dos aditivos à convenção coletiva, no dia 13 de março, os dirigentes sindicais cobraram o pagamento de uma diferença de PLR. "O balanço publicado não correspondeu às expectativas anunciadas pelo próprio banco", afirma o funcionário do Santander e novo secretário de imprensa da Contraf-CUT, Ademir Wiederkehr.

O presidente mundial do Santander, Emilio Botin, alardeou, em 31 de outubro, quando veio acompanhar a Fórmula 1, que o lucro no Brasil seria de R$ 4,8 bilhões. Entretanto, o lucro oficial foi de R$ 2,75 bilhões, uma brusca involução nos últimos dois meses de 2008 em torno de R$ 2 bilhões. Na prática, um banco mais um banco ficou igual a um, pois o balanço derreteu um banco.

Com isso, os trabalhadores receberam apenas a regra básica da PLR. Já os acionistas, conforme notas do balanço, receberam dividendos sem prejuízos.

Os lucros do Santander seguem de vento em popa. No primeiro trimestre de 2009, o resultado do banco cresceu 7,12% em comparação ao mesmo período do ano passado e atingiu a marca de R$ 416,4 milhões, de acordo com os jornais Valor econômico e DCI.

"Apesar da crise financeira mundial, o banco segue crescendo no Brasil. Os trabalhadores exigem uma contrapartida pelos resultados alcançados, com a melhoria da PLR", salienta a funcionária do Real e nova secretária de Políticas Sociais da Contraf-CUT, Deise Recoaro.

Adesões ao "pijama"

Termina na próxima quinta-feira, dia 30, o prazo de adesão à estabilidade remunerada pré-aposentadoria, o "pijama", previsto nos aditivos à convenção coletiva conquistados junto ao Santander e ao Real. Cabe ressaltar que esse prazo é para os bancários que já reúnem os requisitos necessários para aderir ao "pijama".

Assembleias da Afubesp, Banesprev e Cabesp

Três assembleias movimentam os funcionários e aposentados do Santander. Nesta sexta-feira, dia 24, às 18h30, se reúnem os associados da Afubesp, no auditório da entidade (Rua Direita, 32, 11º andar, centro de São Paulo) para avaliar a prestação anual de contas da entidade.

Neste sábado, dia 25, ocorrem as assembleias do Banesprev e da Cabesp. As duas serão realizadas no Esporte Clube Banespa de São PauloAvenida Santo Amaro, 5355). A do Banesprev começa, às 8h30, e a da Cabesp, às 13h30. Ambas discutem a prestação de contas de 2008 e a proposta orçamentária.

Assembleias de acionistas no dia 30

O Santander Brasil fechou um instrumento para incorporação do Real, o qual será submetido à apreciação dos respectivos acionistas nas Assembleias Gerais Extraordinárias (AGE) dos dois bancos a serem realizadas na próxima quinta-feira, dia 30.

Segundo a imprensa, o Banco Santander receberá, pelo seu valor contábil, a totalidade dos bens, direitos e obrigações do Banco Real, apurado em laudo de avaliação elaborado por empresa especializada, com base no balanço patrimonial auditado do Banco Real no fim do primeiro trimestre deste ano. Uma vez aprovada a incorporação, o Banco Real será extinto e sucedido pelo Banco Santander em todos os seus direitos e obrigações.

Fonte: Contraf/CUT

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster