Cinco caixas eletrônicos dentro de mercados foram explodidos em Guarulhos, Grande São Paulo, durante a madrugada de quinta-feira (23).

De acordo com a Polícia Militar, quatro deles foi por volta das 3h47, na rua Elisangela Alves de Souza, 25, em Ponte Alta. Até o momento, não se sabe se todos os caixas foram abertos, mas a quadrilha fugiu, levando o dinheiro de pelo menos um deles, mesmo com manchas de tinta. Já a outra explosão aconteceu no mesmo horário, na Rua Marinópolis, praça João Paulo, em Presidente Dutra.

Em ambos os casos, a polícia informou que ninguém foi preso. Até o momento, não há informações sobre a quantidade de dinheiro levado pelos bandidos.

Menos dinheiro em caixa

No fim de abril, a Polícia Militar de São Paulo pediu à Febraban (Federação Brasileira de Bancos) que diminua a quantidade de dinheiro em caixas eletrônicos que não estejam em agências bancárias. A intenção é diminuir a ocorrência de roubos e explosões que vêm ocorrendo frequentemente em caixas eletrônicos da cidade.

Segundo o major Marcel Soffner, já havia várias operações em andamento para coibir a criminalidade, mas dessa vez os trabalhos serão intensificados.

– Propusemos à Febraban duas coisas: diminuir a quantidade de dinheiro em caixas eletrônicos que não estejam em agências bancárias e que as instituições bancárias façam uma análise de risco. Por exemplo, analisar o tipo de estabelecimento comercial que comporte um caixa eletrônico.

Ataques

De janeiro até agora, já são pelo menos 70 casos de ataques a caixas eletrônicos ocorridos no período noturno na região metropolitana de São Paulo, sendo 36 na capital e 34 nos municípios da Grande SP. Na região metropolitana, Guarulhos lidera, com sete casos. Em 48 dos 70 casos os criminosos utilizaram explosivos para arrombar as máquinas. Foram 23 ataques somente dentro de supermercados.

 
Fonte:  Portal R7
Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster