Segundo o banco, a crise e as mudanças anunciadas na matriz não terão nenhum impacto no BrasilApesar de viver a maior crise dos seus 197 anos de história, o Citibank anunciou nesta sexta-feira, dia 16, que o banco é lucrativo no Brasil e que não está à venda.

Segundo a direção do Citi, sua operação brasileira tem "importância estratégica" para o grupo, que está em processo de desmembramento e venda de ativos para fazer caixa e seguir operando. O banco afirma ainda que essas mudanças anunciadas na matriz não terão nenhum impacto no Brasil.

O Citi brasileiro teve lucro líquido acumulado de R$ 1,279 bilhão de janeiro a setembro de 2008, 12% mais do que no mesmo período de 2007. O banco tem ativos de R$ 40 bilhões e figura como o décimo maior no país. Tem 127 agências e emprega 5.911 funcionários.

Pela atual situação da empresa, a unidade brasileira é uma das poucas a ter comprador neste momento. O Citi no Brasil interessa especialmente ao Bradesco, que perdeu a liderança no ranking por ativos após as fusões e aquisições que agitaram o sistema financeiro nacional no último ano, em especial a união entre Itaú e Unibanco.

Além do banco, o Citigroup tem ainda uma participação de 17% da Redecard, empresa de processamento de cartões, estimada em cerca de R$ 3 bilhões.

Fonte: SEEB – SP / Fábio Jammal Makhoul com agências

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster