bb_balas.jpg
bb_balas.jpgCrimes ocorreram na madrugada desta terça em Lagoa Seca e Arara. Três suspeitos foram presos pela PRF com um carro roubado na BR-104 -Em menos de 1 hora, duas agências bancárias foram alvo de criminosos na madrugada desta terça-feira (8) nos municípios de Lagoa Seca, no Agreste da Paraíba, e Arara, no Curimataú. De acordo com a Central de Operações da Polícia Militar (Copom), nos dois casos os bandidos estavam armados e explodiram os caixas eletrônicos das agências. Três suspeitos foram presos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Por volta das 2h15 (horário local), homens armados invadiram uma agência bancária em Lagoa Seca, no Agreste paraibano. Os suspeitos explodiram os caixas eletrônicos e fugiram em três veículos, uma picape Chevrolet Strada, um Chevrolet Corsa Sedan, um Fiat Doblò e duas motocicletas.

Segundo a gerência informou à Polícia Militar, o dinheiro foi levado mas o montante não foi informado. A picape utilizada foi encontrada pelos policiais durante a madrugada no sítio Alvinho, zona rural entre Campina Grande e Lagoa Seca.

Já em Arara, no Curimataú paraibano, criminosos armados e encapuzados aproveitaram a madrugada para explodir caixas eletrônicos de uma agência bancária localizada no Centro da cidade. De acordo com a Copom, a ação foi registrada às 3h20 desta terça-feira.

A polícia disse que não podia informar a quantidade levada pelos assaltantes que fugiram em três carros, sendo um deles uma caminhonete. Na fuga, a quadrilha jogou grampos na pista para dificultar a ação da polícia.

De acordo com a Copom, a polícia investiga se os envolvidos nos dois assaltos fazem parte da mesma quadrilha. Por volta das 20h (horário local) de segunda-feira (7), três homens foram detudos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) transitando na BR-104, no posto do distrito São Miguel, em Esperança. Os homens estavam em um veículo Kia Cerato roubado em João Pessoa. Segundo a PRF, eles são naturais de Campina Grande e suspeitos de serem olheiros dos ataques realizados. Os três foram encaminhados para a Central de Polícia em Campina Grande.

Com essas ocorrências , sobe para cinco o número de investidas criminosas contra bancos na Paraíba, em 2013, sendo: 2 explosões (Banco do Brasil), 2 arrombamentos (1 no Bradesco e 1 no Itaú) e uma tentativa de arrombamento (Banco do Brasil).

Em 2012
No ano passado, de acordo com o balanço do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários da Paraíba, foram registradas 63 ocorrências entre explosões, assaltos, arrombamentos e tentativas em todo o estado.

Fonte: SEEB – PB, com G1 Paraíba.

 

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster