img_6393.jpg

E que venha 2009!

img_6393.jpgNeste ano de 2008, os bancários demonstraram muita garra na luta por melhores condições de trabalho e remuneração. A mobilização garantiu a realização de uma das mais fortes greves da categoria profissional nos últimos anos, mas a luta pela manutenção dos empregos continua em 2009.  

ato_no_bb_13_de_maio.jpgNo Branco do Brasil a luta começou cedo com os protestos contra a pressão e a prática do assédio moral. Na Caixa Econômica Federal, o ano esteve embalado na formatação, aprovação e implantação do novo Plano de Cargos e Salários (PCS). No ano de 2009, além das questões específicas pendentes, ainda temos que reverter o desconto dos dias de greve, que a direção da instituição insiste em debitar aos grevistas.

unibanco1.jpgOs bancários da rede privada garantiram a unidade da categoria e a luta continua em 2009, pela manutenção dos empregos ameaçados com as fusões e incorporações dos bancos brasileiros e estrangeiros.

Nas comunicações, além do boletim informativo Trocando em Miúdos, com edições periódicas e avulsas, a Secretaria de Comunicação do Sindicato incrementou ainda mais a alimentação diária do Site, que é a via mais rápida e eficiente de interagir com os bancários. De julho para cá, o número de visitas diárias aumentou seis vezes, chegando à média de 1.100 acessos por dia no mês de dezembro. Na segunda quinzena de outubro, no auge da greve dos bancários, atingimos o pico de 3.847 visitas em um dia.

lucius__os_patriotas.jpgNa cultura, o V Bancarte foi mais um sucesso, com o tema O Circo e a Cultura Popular, homenageando os poetas e cantadores Otacílio Batista e Oliveira de Panelas, o Circo Piollin pelos seus 30 anos de atividades e o bancário-seresteiro Chico Bezerra, do Banco do Brasil. O projeto Sexta Dançante se consolidou com as Bandas Puro Charme e Xique & Chique e a parceria com a produção do programa Cantos & Contos deu visibilidade cultural ao Sindicato em nível estadual. Aos sábados, o Clube do Choro da Paraíba alegrou as tardes e os domingos foram animados pela Banda R2, com muita música ao vivo.

O Projeto Conexão e Cidadania deu continuidade às suas atividades de apoio às comunidades vizinhas ao Sindicato, proporcionando o incentivo aos esportes com as escolinhas de Futsal, inclusive para mulheres, natação e inclusão digital através dos cursos de informática.

Os novos convênios e os que foram renovados ao longo do ano de 2008 estão proporcionando aos bancários descontos em diversos serviços, como: educação, saúde e emplacamentos de veículos.

cut25anos_157.jpgRealizamos com muito sucesso o I Encontro de Ex-Funcionários do Paraiban e lotamos o nosso auditório no Encontro Estadual dos Bancários e no VI Encontro dos Bancários Aposentados. Além disso, o nosso auditório também foi palco para a celebração dos 25 anos da Central Única dos Trabalhadores (CUT), quando recebemos a honrosa presença do prefeito Ricardo Coutinho. Também tivemos uma participação muito importante no I Encontro Regional dos Novos Bancários, promovido pela Federação dos Trabalhadores em Empresas de Crédito do Nordeste (Fetec-NE).

Participamos ativamente das campanhas eleitorais das Caixas de Assistência e Previdênciados Funcionários do Banco do Brasil, respectivamente, Cassi e Previ, da eleição para a Federação Nacional das Associações de Funcionários da Caixa Econômica (Fenae), além de indicarmos concorrente à representante estadual junto à Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil (ANABB), cujo resultado não nos foi favorável, devido ao processo viciado desse órgão.

No cenário político municipal, destacamos a campanha de Lucius Fabiani para uma vaga na Câmara Municipal. Apesar de não ter sido eleito, o seu desempenho eleitoral lhe rendeu uma indicação para o cargo de Secretário Adjunto da Secretaria do Desenvolvimento Sustentável da Produção da Prefeitura Municipal de João Pessoa.   

israel_guedes.jpgMas, se obtivemos sucesso na política, também contabilizamos perdas irreparáveis neste ano de 2008. Perdemos o companheiro Israel Guedes Ferreira – ex-presidente do Sindicato dos Bancários da Paraíba que reconduziu a Entidade às hostes Cutistas e ao verdadeiro caminho da luta sindical – e a companheira Rosilda Nunes, que pôs fim à própria vida no interior da Agência Alagoa Grande, do Banco do Brasil.

Enfim, realizamos uma das greves mais fortes da nossa história de lutas, que resultou no quinto ano seguido de aumento real e na primeira mudança da regra básica da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) desde 1997 e já estamos em luta pela preservação dos empregos em 2009!

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster