Crédito: Seeb Pará
Seeb Pará
Funcionários do Banpará aceitam proposta em assembleia

Nesta quinta-feira (2), a categoria bancária chegou ao seu terceiro dia de greve e a força do movimento no Pará, e em todo Brasil, conquistou uma importante vitória no Banpará. Por maioria, o funcionalismo do banco aprovou em assembleia realizada na sede do Sindicato, em Belém, um dos melhores acordos coletivos construídos recentemente no Banpará.

A proposta aprovada garante aplicar o mesmo reajuste fixado no piso pela Fenaban no reajuste salarial da base salarial de nível fundamental, médio e superior, com reflexo na tabela salarial, bem como em todas as demais verbas salariais, salvo as com regra própria, com percentual superior (8% ou percentual superior fixado pela Fenaban). Na prática, isso significa que o Banpará pagará índice de reajuste superior ao que for fechado na Fenaban.

Além disso, o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) de 2014/2015 do Banpará garante PLR Social de 4% sobre o lucro líquido de 2014 distribuído linearmente aos trabalhadores, 24% de reajuste no anuênio, licença prêmio de 40 dias, 13ª cesta alimentação integral, folga aniversário, reajuste de 69,62% sobre o auxilio creche/babá para filhos especiais, pagamento de salários aos aposentados na ativa, vale cultura para todos os empregados e saldo remanescente do PAS-CAFBEP, dentre outros itens.

Outras vitórias importantes dessa greve no Banpará foi o abono dos dias parados e uma reparação histórica para o funcionalismo do banco: a garantia uma promoção excepcional aos admitidos até 31.12.1998, que continuam no banco até a data de assinatura do ACT.

“A força da mobilização dos trabalhadores representou um avanço nas propostas apresentadas pelo Banpará em mesa de negociação, incorporando reparação histórica aos funcionários antigos e garantindo isonomia para os funcionários novos, além de garantir reajuste salarial para todo funcionalismo. Parabenizamos o funcionalismo do Banpará por essa vitória, que mais uma vez é exemplo para a categoria bancária em nível nacional”, destaca a presidenta do Sindicato, Rosalina Amorim.

“Esta é a segunda greve de apenas 3 dias e que conquista um excelente acordo para a vida dos bancários e bancárias do Banpará. Uma proposta aprovada por ampla maioria e reivindicações construídas num rico e participativo processo. Destaco com muita alegria a ampliação de 6 para 8 dias da licença-prêmio, a promoção aos colegas que doaram 20% de seus salários durante 11 meses para ajudar a salvar o banco, a cesta integral em novembro e o direito dos colegas aposentados que estão ativa de poder adoecer e receber sua remuneração integral, o que hoje é negado. Estou feliz com a condução do processo, este referendado pela categoria hoje à tarde, em massiva assembleia”, afirma a diretora da Fetec-CN e funcionária do Banpará, Vera Paoloni.

Sobre a participação da Afbepa na mesa de negociação

A presidenta e a vice-presidenta da Afbepa usaram a palavra durante a assembleia para atacar o Sindicato de querer excluir a associação das mesas de negociação com o banco.

Na verdade, isso é uma grande falácia. O Sindicato enviou ofício chamando à Afbepa para participar das mesas de negociação, inclusive porque essa é uma decisão do funcionalismo do banco que foi aprovada no Encontro Estadual do Banpará de 2011.

A Afbepa não participou de nenhuma mesa de negociação desse ano simplesmente porque não quis, excluiu-se do processo por vontade própria. Resolveu aparecer na última mesa somente para tentar tumultuar o processo e, de forma dissimulada, tentou colocar os trabalhadores contra o Sindicato, a Contraf-CUT e a Fetec-CN durante a assembleia, mas, como o funcionalismo do Banpará é bastante esclarecido, isso não ocorreu.

Veja na íntegra a proposta aprovada:

PROPOSTA BANPARÁ – ACT 2014/2015 – 02/10/2014

Reajuste Salarial:

– Aplicar o mesmo reajuste fixado no Piso pela FENABAN no reajuste salarial da base salarial de nível fundamental, médio, e superior, com reflexo na tabela salarial, bem como em todas as demais verbas salariais, salvo as com regra própria, com percentual superior (8% ou percentual superior fixado pela Fenaban)

PLR Social – Parcela Adicional – NOVO BENEFÍCIO:

PLR SOCIAL: 4% sobre o lucro liquido apurado no exercício 2014, sem limitadores;

– Será creditada em 03/10/2014 o ADIANTAMENTO DA PLR SOCIAL no valor de até R$1.500,00, observada a proporcionalidade dos dias trabalhados e o restante até março de 2015.

PLR FENABAN: ADIANTAMENTO DA 1ª PARCELA DA PLR FENABAN, obedecida a regra própria e parcela adicional fixados na CCT FENABAN, a ser creditada em 03/10/2014.

Anuênio – BENEFÍCIO AMPLIADO:

– 24% de Reajuste – Passa de R$40,32 para R$50,00;

Licença Prêmio – BENEFÍCIO AMPLIADO:

– Passou de 30 para 40 dias, ao final de cinco anos, ou seja, de 6 para 8 dias úteis ao fim de cada ano, garantida a conversão em pecúnia;

13ª Cesta Alimentação Integral – BENEFÍCIO AMPLIADO

– Auxílio alimentação + Cesta alimentação, a ser paga em novembro, em data definida na CCT FENABAN;

Folga Aniversário – NOVO BENEFÍCIO:

– Folga anual de um dia, podendo ser convertida em pecúnia, coincidindo com a data do aniversário ou dia útil anterior ou posterior, caso coincida com dia em que não haja expediente bancário ou na hipótese do empregado estar de férias, concedido a partir da vigência do presente Acordo.

Greve: abono dos dias parados;

PCS – NOVO BENEFÍCIO:

– REPARAÇÃO HISTÓRICA: Uma Promoção excepcional aos admitidos até 31.12.1998, que continuam no Banco até a data de assinatura do Acordo;

Contratação de consultoria e manutenção do GT PCS;

Abono Atividade Física – BENEFÍCIO AMPLIADO:

– Reajuste de 72,27%, passando de R$ 58,05 para R$ 100,00;

Auxilio creche/babá – BENEFÍCIO AMPLIADO:

-Desnecessidade de apresentação de comprovantes de gastos;

– Auxílio creche/babá para filhos especiais (não cumulativo): Reajuste de 69,62%, passando de R$589,56 para R$1.000,00;

Terapias Holísticas- BENEFÍCIO AMPLIADO:

– Ampliação em 25%, passando de 300 para 375 sessões;
– Extensão para Aposentados por invalidez e inativos;

Pagamento de salários aos aposentados na ativa – NOVO BENEFÍCIO:

– Conceder pelo período que durar o adoecimento, limitado a 180 dias, mediante apresentação de laudo e avaliação pelo médico do trabalho.

Manutenção de gratificação de função aos adoecidos/retorno – NOVO BENEFÍCIO:

– Garantia de Pagamento da gratificação de função exercida anteriormente à licença aos empregados que retornarem ao Banco após cessado benefício previdenciário, por 90 dias, salvo os que estejam respondendo PAD ou estejam sob efeito de penalidade disciplinar;

Vale Cultura:

– Ampliação para todos os empregados, na forma da Lei;

Gratificação de função para caixas em treinamento- BENEFÍCIO AMPLIADO;

Extensão da ajuda aluguel para empregados transferidos para a Capital, na forma da regulamentação existente – BENEFÍCIO AMPLIADO;

Efetivação nas funções – BENEFÍCIO AMPLIADO:

– Para empregados que estejam ocupando de maneira temporária ou interina função de confiança por tempo igual ou superior a 90 dias, desde que cumpram os requisitos dos normativos internos;

– Apoio ao Dependente Químico – BENEFÍCIO AMPLIADO:

– Extensão aos familiares de empregados de 50% das vagas reservadas para o Banpará no convênio firmado com o Centro Nova Vida;

Extensão da assistência psicológica e de consultas com geriatra para os aposentados por invalidez e inativos – BENEFÍCIO AMPLIADO;

Ginástica laboral e pausas obrigatórias – NOVO BENEFÍCIO:

– Afixação de cartazes;

Segurança Bancária – BENEFÍCIO AMPLIADO E NOVO BENEFÍCIO:

– Reajuste de R$ 100,00 para R$ 200,00 no ressarcimento dos bens furtados sem prova de propriedade;
– Seminário de segurança bancária;

Saldo remanescente do PAS-CAFBEP – NOVO BENEFÍCIO:

Divulgação do saldo e garantia de utilização do saldo para custeio da parte do empregado no plano de saúde;

Combate ao Assédio Moral – NOVO BENEFÍCIO:

– Criação conjunta de cartilha;

Regulamento de Pessoal:

Divulgação do Regulamento de Pessoal atualizado até dezembro de 2014.

Manutenção das demais regras ACT 2013/2014, salvo as cláusulas já cumpridas.

COMPROMISSOS ASSUMIDOS PELO BANPARÁ

– Redução de juros do consignado para funcionários: 1,50% para a faixa de 25 a 100 meses, CONCEDIDO a partir de 29/09/2014;

– Adiantamento da 1ª PARCELA DA PLR (REGRAS DA FENABAN), ADIANTAMENTO DA PLR SOCIAL e CIRIANA para 03/10/2014.

Fonte: Seeb Pará

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster