Crédito: Seeb Porto Alegre
Seeb Porto Alegre A noite era de festa e celebração do Dia do Bancário, comemorado em 28 de agosto. Mas o Baile dos Bancários não apenas celebrou o dia daqueles que lutam diariamente nos bancos por mais direitos, na noite da sexta-feira (29), no Clube Farrapos. Foi dia também em que a nova diretoria do Sindicato dos Bancários de Porto Alegre (triênio 2014-2017) tomou posse solene. E o clima foi de chamar a categoria à unidade e à participação na Campanha Nacional 2014 e em outras frentes de batalha por mais diretos e cidadania.

O presidente da Contraf-CUT, Carlos Cordeiro, destacou a história do Sindicato e a importância da entidade na construção da unidade nacional da categoria. “É um Sindicato que tem história. É um Sindicato que tem luta. Este é um Sindicato que sempre lutou em nível nacional”, disse o dirigente, que chamou o secretário de imprensa da Contraf-CUT e integrante da atual diretoria do SindBancários, Ademir Wiederkehr, para prestar-lhe uma homenagem durante o discurso.

O diretor de comunicação da Fetrafi-RS e ex-presidente do SindBancários (gestões 2005-2011), Juberlei Bacelo, exaltou a história da luta do Sindicato e a importância de a entidade seguir na sua caminhada. “Temos muitos desafios pela frente. Estamos numa campanha salarial que vai exigir unidade da categoria. O nosso Sindicato também estará atento aos desdobramentos da luta por direitos de todos os trabalhadores e para aquelas causas que mudam a vida da gente, como é o caso da reforma política”, avaliou Juberlei.

O ex-presidente do Sindicato, Mauro Salles (gestão 2011-2014), disse acreditar que a força dos bancários tem tradicionalmente ajudado a consolidar a democracia brasileira. “Os bancários têm um compromisso com a democracia. Na próxima semana, teremos urnas para votar pela reforma política. Os bancos têm cada vez mais adoecido os bancários. A nossa luta é por proteger os trabalhadores. Nós tratamos a saúde dos trabalhadores como prioridade. A gente se importa”, enfatizou Mauro.

No encerramento da solenidade de posse, o novo presidente do SindBancários, Everton Gimenis, assumiu o compromisso de lutar pela unidade e honrar a história de lutas do Sindicato. “Quero agradecer ao companheiro Mauro Salles pelo exemplo de gestão. E gostaria também de dizer que vou me esforçar muito para honrar a história do Sindicato dos Bancários. Essa categoria tem ouvido o chamado para a luta pela conquista de direitos. Vou trabalhar muito para estar à altura dos bancários”, disse Gimenis.

O Baile dos Bancários contou também com a presença de autoridades legislativas, dirigentes de outros sindicatos, federações e Contraf-CUT e representantes de bancos, além de ex-presidentes do Sindicato, como o ex-governador, ex-prefeito, ex-deputado e bancário aposentado do Banrisul, Olívio Dutra (gestões 1975-1979), e o bancário da Caixa, Devanir Camargo da Silva (gestão 2002-2005).

Fonte: Contraf-CUT com Seeb Porto Alegre

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster