Em reunião realizada no último dia 11, o Sindicato dos bancários de Brasília alertou o vice-presidente de Gestão de Pessoa e Responsabilidade Socioambiental do Banco do Brasil, Luiz Oswaldo, sobre o risco de caos administrativo nas agências do DF, por conta da falta de funcionários, caso o BB prolongue ainda mais a peleja jurídica sobre a prorrogação do concurso de 2006.

A partir de ação movida pelo Ministério Público do Trabalho, já julgada no TRT (Tribunal Regional do Trabalho), o BB está impedido de convocar os concursados de 2008 até que se esgote a lista dos aprovados no concurso de 2006, que a direção do BB havia decidido não prorrogar, desconsiderando os fortes apelos em contrário do Sindicato à época.

O Sindicato dos bancários de Brasília vem se reunindo com representantes de várias diretorias do banco para discutir o assunto. Para o Seeb Brasília, o BB deve acatar a decisão do TRT, para que se garantam condições mínimas de trabalho para os funcionários no DF, com a convocação imediata de concursados para o suprimento das vagas existentes.

Fonte: Seeb Brasília

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster