O Sindicato dos Bancários do Piauí vem a público, denunciar a forma mesquinha, espúria, autoritária, discriminatória com que o Banco do Brasil tratou o processo de negociação referente à migração dos ex-funcionários do BEP para o BB.

Após longo processo de negociação (enrolação) o Banco do Brasil deixou para o último dia do processo de migração para impor o seu "rosário" de desrespeito ao ex-bepianos, engessando de forma vil e preconceituosa os direitos trabalhistas dos empregados. A começar pelo termo de migração que no final diz "renuncio conforme preceitua o item II da súmula número 51 do TST, de forma irrevogável e irretratável a todos os direitos, benefícios e vantagens contidos no regulamento de pessoal anterior e nas demais instruções do BEP, inclusive a estabilidade contratual" como se não bastasse retira as comissões e horas extras de quem migrar para os quadros do Banco do Brasil como também as comissões para quem ficar nos quadros do BEP deixando claro a discriminação com ex-bepianos em relação aos empregados do Banco do Brasil.

Com esta atitude descumpre a Emenda Constitucional aprovada na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal, que diz " § 4º – A autorização concedida no caput, referente ao processo de incorporação do Banco do Estado do Piauí (BEP} ao Banco do Brasil (BB), implica que a política de gestão de pessoas conferida aos empregados do BB estender-se-á aos empregados egressos do BEP que optarem pelo regimento funcional do Banco do Brasil".

As atitudes do BB afeta a dignidade da pessoa humana, jogando por terra o seu discurso de responsável social. Os atos praticados pela Direção Geral do Banco do Brasil, tem um caráter neoliberal e a visão mesquinha do mercado que esta provado pela crise que enfrenta o mundo que este modelo esta fracassado e corroído.

O Sindicato dos Bancários do Piauí repudia as atrocidades praticadas pelo BB e já esta tomando as providências jurídicas e políticas para devolver as ex-bepianos o que foi "surrupiado" dos seus contra-cheques pelo Banco do Brasil.

Fonte: Gilson Rocha – Seeb Piauí

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster