Crédito: Seeb Extremo Sul da Bahia
Seeb Extremo Sul da Bahia
Bancários seguem com suas atividades paradas

A greve dos bancários ganhou força no extremo sul baiano, de acordo com o Sindicato dos Bancários do Extremo Sul da Bahia, sindicato que representa a categoria na região.

Nesta sexta-feira, 11º dia de paralisação, os bancários continuaram com suas atividades paradas, já que não houve uma proposta da Fenaban satisfatória para a categoria.

Balanço do sindicato aponta que o índice de adesão dos bancários é de mais de 95% na base sindical.

Como os bancos não apresentaram nova proposta, a greve segue firme em todo o Brasil. Os bancários pedem 16% de aumento salarial, mas a Fenaban oferece apenas 5,5%.

Dirigentes do Sindibancários mobilizam os bancários da região, dialogando sobre o andamento da greve, e em frente às agências bancárias orientam clientes e usuários de bancos sobre as reivindicações dos trabalhadores.

“O nosso diálogo com as pessoas é para informar que a nossa luta não é somente em defesa de reajuste de salários. Queremos também melhores condições de trabalho e diminuir o tempo de atendimento nas agências”, lembra o dirigente.

Fonte: Seeb Extremo Sul da Bahia

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster