brb-mantem-intransigencia-e-nao-chama-negociacao 2bcee23df061cf6d1edee19a11a667d8

brb-mantem-intransigencia-e-nao-chama-negociacao 2bcee23df061cf6d1edee19a11a667d8

Com o fim da greve dos empregados da Caixa Econômica Federal nesta terça-feira (27), o BRB é a única instituição financeira do Distrito Federal cujos funcionários estão de braços cruzados, por conta da intransigência da diretoria do banco e do governador Rollemberg.

O Sindicato dos Bancários de Brasília continua buscando canais para quebrar a intransigência da diretoria do BRB e convencer os gestores da instituição financeira a acatarem a convenção coletiva nacional dos bancários negociada com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), além de discutir a pauta específica dos funcionários do banco.

Na terça (27), a adesão à greve da categoria cresceu. A paralisação dos bancários do BRB completa 23 dias nesta quarta (28).

Reuniões

Ainda nesta terça (27), foram realizadas duas reuniões expressivas: a primeira com os delegados sindicais do BRB e a segunda com gerentes de negócio e gerentes de expediente. Todos foram unânimes em afirmar que precisam aderir à greve como forma de pressionar a diretoria do BRB e o GDF, uma vez que a péssima proposta apresentada pelo banco penaliza sobremaneira os comissionados, impondo a estes perdas salariais.

Na reunião com os gerentes de negócio e expediente, ficou definida a intensificação da mobilização desse segmento. Nova reunião dos gerentes ficou agendada para quinta (29), às 18h30, na sede do Sindicato (EQS 314/315 – Bloco A). 

Assembleia

O Sindicato reafirma que não há elementos para convocar uma nova assembleia dos bancários do BRB, uma vez que a proposta do banco é muito inferior a da Fenaban, lembrando que o BRB é associado da Federação.

Prática antissindical

Dirigentes sindicais receberam inúmeras denúncias sobre a limitação do acesso ao site do Sindicato (bancariosdf.com.br) de dentro das dependências do BRB. De acordo com os relatos, o acesso ao site da entidade sindical está sendo quase impossível.

Caso seja confirmada, a medida configura prática antissindical por parte da diretoria do BRB.

Fonte: Seeb DF

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster