A Contraf-CUT realizará nesta sexta-feira (28), às 9h, uma reunião do Coletivo Nacional de Segurança Bancária para discutir a proposta de projeto de lei de estatuto de segurança privada. O encontro ocorrerá na sede da Confederação (Rua Líbero Badaró, 158 – 1º andar), no centro de São Paulo. Também participarão representantes da Confederação Nacional dos Vigilantes (CNTV).

"O projeto visa atualizar a lei federal nº 7.102/83, que trata da segurança nos estabelecimentos bancários e que se encontra defasada diante do atual cenário de violência, criminalidade e insegurança nos bancos", explica Ademir Wiederkehr, secretário de imprensa da Contraf-CUT e coordenador do Coletivo Nacional.

O projeto foi formulado em 2007 pela Polícia Federal e, desde então, vem sendo debatido com as entidades sindicais dos trabalhadores e dos empresários. A Contraf-CUT e a CNTV já apresentaram várias propostas para a Polícia Federal e o Ministério da Justiça, na perspectiva de trazer avanços para os trabalhadores e a sociedade.

Atualmente, o projeto está em fase final de elaboração na assessoria do Ministério da Justiça. "Queremos retomar os debates, buscando contribuir para construir uma nova legislação federal que amplie, por exemplo, as medidas preventivas, a fim de proteger a vida de trabalhadores, clientes e usuários", projeta Ademir.

Fonte: Contraf-CUT

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster