Crédito: Maristela Benedet – Seeb Criciúma
Maristela Benedet - Seeb Criciúma
Trabalhadores definiram propostas para a 15ª Conferência Nacional

Cerca de 40 funcionários de bancos públicos e privados participaram no último sábado (15), em Criciúma, do 1º Encontro Estadual dos Bancários, organizado pela União dos Sindicatos Independentes (Unisind-CUT/SC), formada pelos Sindicatos de Araranguá, Criciúma e Videira. O evento discutiu a Campanha Nacional 2013, contribuindo para a construção da minuta de reivindicações e a definição das estratégias de negociação e mobilização.

O presidente da CUT de Santa Catarina, Neudi Giachini, chamou a atenção para os desafios da conjuntura nacional, alertando sobre as dificuldades para as negociações diante da choradeira dos patrões com a subida da inflação. Ele frisou também a importância da reforma política e da democratização da mídia.

O secretário de imprensa da Contraf-CUT, Ademir Wiederkehr, fez uma exposição sobre a organização dos bancários e os grandes temas pautados pelo Comando Nacional para nortear os debates da campanha deste ano: emprego, remuneração, condições de trabalho e reestruturação produtiva dos bancos. O dirigente sindical mostrou também a preocupação com o projeto de lei (PL) 4330/2004 sobre terceirização, que tramita na Câmara dos Deputados, e a necessidade de intensificar a mobilização para evitar a sua aprovação.

O secretário de saúde do trabalhador da Contraf-CUT, Walcir Previtale, fez uma apresentação sobre as condições de saúde e trabalho dos bancários, alertando para a pressão das metas abusivas, o assédio moral, a carência de pessoal, o uso de medicamentos de tarja preta e o adoecimento de cada vez mais funcionários.

O presidente do Sindicato de Criciúma e coordenador da Unisind-CUT/SC, Ronald Pagel Soares, mostrou os resultados da consulta aos bancários, que embasaram as propostas aprovadas por unanimidade pelos participantes, dentre elas: reajuste salarial com reposição da inflação mais 5% de aumento real, piso de acordo com o mínimo do Dieese, valorização da PLR e melhores condições de saúde, segurança e trabalho.

Ao final foram eleitos dois delegados titulares e um suplente, além de um observador, para participarem da 15ª Conferência Nacional dos Bancários, que acontece de 19 a 21 de julho, em São Paulo.

Fonte: Contraf-CUT com Seeb Criciúma

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster