O secretário de Segurança Pública (SSP) do Maranhão, Raimundo Cutrim, apresentou à imprensa, na sexta-feira, dia 24, durante coletiva realizada na sede da SSP, os assaltantes Francisco Moraes, conhecido como "Batata" ou "Nena", e Cleiginaldo Ferreira Barros, o "Cleiton", envolvidos em roubos a agências bancárias no Estado. A dupla participou de assaltos nos municípios de Governador Eugênio Barros, São Domingos, Passagem Franca, Carro forte na BR-226, entre os municípios de Presidente Dutra e Barra do Corda, e Amapu no Pará.

A quadrilha integrada pela dupla atuava nas regiões Norte/Nordeste e era formada por 23 pessoas, sendo que, deste total, 13 estão presos, cinco mortos e cinco foragidos.

Pelas estimativas da Polícia Civil, os assaltos realizados pela quadrilha causaram um prejuízo aproximado de R$ 2 milhões.

Com os assaltantes, a Polícia apreendeu um fuzil Fal, calibre 7,62mm; um fuzil AR-15, calibre 5,56mm; duas metralhadoras, calibre 9mm (uma delas de uso exclusivo da PF) e uma pistola calibre 9mm

Francisco Moraes e Cleiginaldo Ferreira Barros atuaram juntos no assalto da agência bancária de Governador Eugênio Barros, em julho deste ano.

Francisco de Moraes atuou nos assaltos do Banco do Brasil, em São Domingos, no dia 20 de fevereiro de 2008, com Carlos Alberto Mesquita, conhecido como "Xarom"; José Carlos Mesquita, o "Formiga"; Toinho, Juninho e Mansidão. E também em outra agência do BB, de Passagem Franca, em 05 de novembro de 2008, tendo como comparsas Xavier, Fernando, José Carlos Sales da Rocha, conhecido como "Hulk".

Além de agências bancárias, Francisco Moraes Batata assaltou um carro forte na BR 226, entre os municípios de Presidente Dutra e Barra do Corda, no Maranhão, com Luís Alves de Brito, Formiga, Maurício e Cléber. Além disto, ele participou de assaltos na região Norte, como no município de Amapu, no Pará.

Fonte: Jornal Pequeno on line (MA)

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster