As multas aplicadas pela Polícia Federal ao Bradesco, Itaú Unibanco, Santander, Banco do Brasil, Mercantil do Brasil e Banco do Nordeste do Brasil (BNB), no total de R$ 808,9 mil, durante a 93ª reunião da Comissão Consultiva para Assuntos de Segurança Privada (CCASP), por descumprimento de leis e normas de segurança, repercutiu em todo país. Houve divulgação de notícias em sites, jornais, rádios e blogs.

Entre as principais falhas de segurança dos bancos destacaram-se o número insuficiente de vigilantes, alarmes inoperantes, planos de segurança não renovados e a utilização de bancários para fazer transporte de valores, dentre outras.

"Essas multas comprovam que entra ano, sai ano e os bancos continuam tratando com descaso a segurança de trabalhadores e clientes, o que contribui para a onda de assaltos e sequestros, que tem ocasionado mortes, feridos e pessoas traumatizadas", disse Ademir Wiederkehr, diretor da Contraf-CUT e coordenador do Coletivo Nacional de Segurança Bancária.

Veja o montante das multas por banco:

Bradesco – R$ 318.164,83
Itaú Unibanco – R$ 160.565,20
Santander – R$ 156.432,28
Banco do Brasil – R$ 120.601,91
Mercantil do Brasil – R$ 42.564,00
Banco do Nordeste do Brasil – R$ 10.642,06

Total de multas: R$ 808.970,28

Veja algumas das notícias:

Veja a relação das multas por banco:

> Agência Brasil

> Portal Terra

> Portal R7

> Correio do Povo

> Jornal do Brasil

> Estado de Minas

> Correio Braziliense

> Portal IG

> O Tempo Online

> O Dia Online

> Portal IBahia

> Piauí hoje

> Correio do Estado

> Portal Maranhão Hoje

> O Fluminense

> Imirante.com

> Alagoas 24horas

> Bahia Econômica

Fonte: Contraf-CUT

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster