Uma operação deflagrada na manhã desta terça (18) em três cidades paraibanas busca desarticular uma quadrilha especializada na prática de estelionato contra instituições financeiras. De acordo com a Polícia Federal, os criminosos são suspeitos de forjar documentos para obter empréstimos. Calcula-se que os bancos tiveram um prejuízo de cerca de R$ 2 milhões.

A operação “Quimera” é uma ação conjunta da Polícia Federal e do Ministério Público Federal. Mais de 30 policiais federais cumprem mandados de prisão e busca e apreensão nas cidades de João Pessoa, Campina Grande e Esperança. Todos expedidos pela 16ª Vara Federal da Seção Judiciária da Paraíba.

Segundo o MPF, os investigados responderão pelos crimes de estelionato, associação criminosa e lavagem de dinheiro. Mais informações serão divulgadas em uma entrevista coletiva na sede da Superintendência Regional de Polícia Federal na Paraíba, localizada à BR 230, em Cabedelo, às 10h.

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster