dsc_5974.jpg
dsc_5974.jpg
Uma agência do Banco do Brasil em Caaporã, Litoral Sul da Paraíba, foi alvo de assaltantes na madrugada desta quarta-feira (21). De acordo com a polícia, a agência ficou destruída após os criminosos explodirem os caixas eletrônicos do local. A quadrilha fugiu levando uma quantia em dinheiro que não foi divulgada pela polícia.

Essa foi a sétima investida criminosa contra bancos este mês, no Estado. No ano, agora são 50 ocorrências na Paraíba, sendo: 21 explosões (12 no BB, 7 no Bradesco, 1 na Caixa e 1 no Santander); 8 arrombamentos (2 no BB, 1 no Bradesco, 3 no Santander e 2 na Caixa); 11 assaltos (6 no BB, 2 no Itaú, 1 na Caixa, 1 no Santander; e 1 no Bradesco); 7 saidinhas de banco (2 no Itaú, 2 no BB e 3 no Santander); e 3 tentativas de arrombamento/explosão (BB, Bradesco e Itaú). Veja no mapa disponibilizado no Site do SEEB – PB onde aconteceram os crimes.
O sargento Nicélio Camilo Fernandes, da Polícia Militar da cidade, disse que o assalto aconteceu às 3h desta quarta-feira. Os criminosos chegaram em três carros, entraram na agência e explodiram bananas de dinamite. “A gente acredita que em cada um dos carros tinha cerca de quatro bandidos”, explicou o sargento.

Após o assalto, a quadrilha atirou várias vezes e fugiu na direção da BR-101. O gerente da agência, Fábio Márcio, informou que a agência de Caaporã não vai funcionar nesta quarta-feira e que os clientes  devem buscar atendimento nas agências mais próximas que ficam nos municípios de Alhandra e em Goiana (PE). O gerente lembrou ainda que vários serviços bancários podem ser realizados nas agências dos Correios.

O sargento disse ainda que a perícia deve analisar se as câmeras de vigilância da agência filmaram a ação dos criminosos. Até as 6h30 desta quinta-feira, a polícia ainda não tinha capturado nenhum dos criminosos.

Fonte: SEEB – PB, com G1 Paraíba

 

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster