A Rede Record exibiu vídeo em noticiário na última sexta-feira (29) e sábado (30) no Rio de Janeiro com reportagem sobre o drama de dois bancários que foram torturados em assaltos a bancos. Eles relatam que suas vidas mudaram após as agressões.

Clique aqui para ver o vídeo da reportagem.

Uma bancária, que levava uma das chaves do cofre para casa, foi vítima de sequestro e os seus familiares foram feitos reféns. Ela foi considerada ladra pelo banco e demitida por justa causa. A mulher conta que não sai mais de casa sozinha desde que foi abordada pelos criminosos.

Outro bancário afirma que foi vítima de três assaltos e, impressionado com a violência que sofreu, nunca mais dormiu bem. Os dois trabalhadores estão fazendo tratamento psicológico.

A reportagem afirma que o número de assaltos a bancos dobrou este ano no Estado do Rio de Janeiro, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública. Houve 10 ocorrências nos primeiros seis meses do ano passado e 20 em 2011.

O diretor do Sindicato dos Bancários do Rio, André Pires, destaca que a reportagem ouviu a avaliação do psiquiatra Élcio Carvalho Júnior, para quem o drama sofrido pelos bancários em assaltos "se assemelha ao sentimento de uma pessoa que sofreu um estupro".

Fonte: Contraf-CUT com Seeb Rio e Rede Record

Walmar Pessoa
Author: Walmar Pessoa

WebMaster